Mostrando postagens com marcador Dicas de Cozinha. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Dicas de Cozinha. Mostrar todas as postagens

Cheiro ruim no colchão: 5 dicas para tirar o cheiro ruim do colchão

dicas-para-tirar-o-cheiro-ruim-do-colchao


Cheiro ruim no colchão! Pois é pode acontecer várias coisas para que o colchão fique com um cheiro ruim de suor, xixi, vômito, umidade, alimentos derramados sobre o colchão. A coisa mais maravilhosa do dia é a gente tomar aquele banho se se atirar na cama mas se ele tiver com aquele cheiro ruim affs sem chance né? Mas chega de enrolação e bora para as dicas de uma vez.
Veja  Também

Chimarrão: Você conhece os dez mandamentos do chimarrão?

voce-conhece-os-dez-mandamentos-do-chimarrao

Os Mandamentos do Chimarrão


Oi gente pois é como eu me considero uma viciada em chimarrão como gaúcha que sou e cada vez mais gente vem tomando chimarrão no Rio Grande do Sul. Mesmo com todo este calor não tem como não tomar chimarrão é um vício como cigarro sei lá mais se eu não tomar chimarrão duas vezes por dia me dá muita dor de cabeça.

Horta em casa: Como montar e cuidar de uma horta em casa

Como-montar-e-cuidar-de-uma-horta-em-casa
Horta em casa: Como montar e cuidar de uma horta em casa! Olá meus amores e minhas amoras tudo bem com vocês? Espero que sim! Bom meu papo de hoje é com você que assim como eu adora mexer na horta! Pra mim parece uma terapia eu amo ir para a horta e cuidar das minhas plantinhas, ver como elas estão crescendo e claro no final colher os frutos.
Leia Também

Bom vamos ao assunto, muitas vezes a mudinha que tu comprou ou ganhou para plantar não vinga né? Não quer crescer de jeito nenhum. E você sabe por quê? Bom é difícil diagnosticar as causas. No entanto, se tu conhecer as preferencias da plantinha tudo muda. Pois tem planta que vinga conforme o clima, o terreno, a adubação e se tu souberes um pouco sobre isso pode esperar o sucesso das suas mudinhas.

Conheça o tipo de terra para seu vaso ou o tipo de solo para o canteiro na horta

-    O solo bem (rico) adubado e seco= coentro, malva e losna.
   O solo bem (rico) adubado e úmido= melissa, salsa, cebolinha, hortelã, poejo.
       O solo arenoso (rico) e seco= manjerona, orégano.
       O solo arenoso (pobre) = tomilho, arruda, alecrim.
      O solo misto (rico) e bem arejado = sálvia, camomila, dente-de-leão, rabanete em geral, todas as aromáticas e medicinais.

Para você que vai usar vaso para plantar escolha uma terra boa ou compre nas casas campo e lavoura costuma ter para vender, nunca deixe a terra que tu fores plantar descoberta. O solo deve estar sempre coberto por uma camada fina de material decomposto que são: folhas secas, galhinhos leves, madeiras em decomposição, palhas e etc.

Bom vai depender de ti se tiveres um lugarzinho para fazer um canteiro maravilha, se quiseres plantar nos vasos bom também o importante é você começar.

Dicas para as plantas da Horta

É aconselhado também que você misture as plantas nos canteiros, as maiores pode ficar do lado que o sol nasce. E as menores rasteiras que gostam de mais sombra estariam protegidas pelas plantinhas maiores.

Nesses canteiros tu podes cultivar várias plantinhas desde alface, até a beterraba.

Escolhas a mudas que lhe agrade plantar, depois de ter o vaso ou o canteiro pronto plante as suas mudinhas, e regue a cada dois dias se for necesário. 

Guarde as cascas de fruta, resto de comida, para fazer adubo mas isso vou mostrar em outro post como você pode fazer uma composteira. 

Há se quiserem faço um vídeo mostrando a minha orta gente deixe um comentário aí em baixo beijinho da Ju.

Aqui as fotos da Minha horta
Canteiro de Salsa

                                            Mudas de alface
                                                   Horta
                                               REPOLHO
                                              Beterraba
                          Alface e couve



Alimentação saudável mesmo no Natal

Ceia de natal

Com o fim de ano chegando, manter uma alimentação saudável se torna uma missão quase impossível. Encontros com as amigas, almoços de família e festas da empresa somados mais a grande ceia de Natal são um verdadeiro convite a exageros alimentares, colocando qualquer dieta em risco.


Mas mais importante que comer pouco e controlar as calorias, é comer de maneira saudável. Fazendo escolhas inteligentes você pode manter uma alimentação sadia durante as festas de fim de ano, sem ter que se privar de nada, e principalmente, passar vontade alguma.


Confira a seguir algumas dicas de como fechar o ano com a saúde inabalada, e ainda aprimorar seus talentos e conhecimentos culinários. E não se preocupe, se você não for uma chef de cozinha habilidosa e acabar fazendo mais bagunça do que o esperado, nós temos dicas de como limpar tapete aqui.


Aposte no peru
Alimentaçao-saudavel-mesmo-no-Natal




O peru costuma ser a grande estrela da ceia de Natal. E isso ótimo para quem quer manter uma alimentação saudável, já que ele é mais magro do que o chester, o pernil ou o tender.

O ideal é dispensar a pele e ficar com a carne do peito, dosando bem a dose de sal e gordura que você vai usar para temperá-lo. Ele ainda é rico em nutrientes como vitaminas B e ferro, e fica delicioso acompanhado por frutas como o abacaxi, que ainda ajudam na digestão.

Invista nas nozes e castanhas

Alimentaçao-saudavel-mesmo-no-Natal




As frutas oleaginosas como castanhas, nozes, avelãs, pistachos, e amêndoas, devem fazer parte da sua alimentação o ano todo. Elas ajudam a regular o nível de colesterol, e são excelente fontes de gorduras insaturadas, selênio e antioxidantes.

No seu jantar de Natal, elas funcionam muito bem como aperitivos, podendo inclusive substituir ingredientes e serem servidas em combinação com farofa ou arroz. Mas muita cautela, apesar de saudáveis, as oleaginosas são bastante calóricas, devendo ser consumidas com moderação.

Troque os queijos
sobremesa com queijo


Jim Killock


Com certeza algumas receitas do seu cardápio de Natal vão levar queijo entre os ingredientes, seja ela o salpicão de frango da entrada ou o cheesecake da sobremesa. Mas existe um truque bastante simples para deixar essas duas receitas mais saudáveis, e ainda reduzir o número de calorias.


No caso do salpicão, você pode facilmente substituir a maionese por uma pasta de soja ou iogurte natural. Ambos vão garantir a textura e o sabor da sua receita, economizando bastante na gordura.


Já no cheesecake, você também pode apostar no iogurte natural - que pode ser light se você quiser cortar ainda mais as calorias -, ou no queijo tipo cottage, que além de magro é saborosíssimo.


Controle o álcool

Se você costuma consumir álcool, certamente acaba exagerando um pouco mais do que de costume durante as festas de fim de ano. E além de ser totalmente pobre em nutrientes, as bebidas alcóolicas concentram uma alta quantidade de calorias que não vão contribuir em nada na sua dieta.


Sendo assim, o ideal é evitar os destilados e ficar com os vinhos e espumantes, que são menos calóricos. Procure alternar um copo de bebida com um copo de água para tentar controlar a qualidade de álcool consumida, e evite os coquetéis, que em geral estão cheios de açúcares.


E reduzir a quantidade de álcool consumida pode ser bom não apenas para a sua saúde, mas também para o estado da sua casa, em especial se você está recebendo os amigos. Mas no caso de um acidente, não de desespere, nem tudo está perdido e você pode conferir a truques de como limpar tapete.

Receitas de repelentes caseiros

Receitas de repelentes caseiros contra pernilongos

Olá meus amores e minhas amoras tudo bem com vocês? Espero que sim viu!!! Bom se tu moras em um lugar que só falta os mosquitos te garegarem pela janela... Tu entrou no blog certo, pois os repelentes caseiros funcionam contra os mosquitos e contra divérsos pernilongos... Contra o Aedes Aegypti, o temido mosquito da dengue.

No programa Mais Você, a apresentadora Ana Maria Braga recebeu por e-mail a receita de um repelente caseiro. A equipe do Mais Você, mais especificamente o consultor-médico, dr. Guilherme levou o repelente caseiro natural para ser testado em um instituto de biologia. Acompanhe a receita do repelente caseiro e os resultados:

Então fique ligadinho(a) aqui no blog e veja as receitas faça na sua e se proteja e proteja toda a sua família.

1- Receita
Ingredientes
 500 ml (1/2 litro) de álcool líquido
10 gramas de cravo-da-índia (1 pacotinho)
 100 ml de óleo corporal 

Modo de preparo
Misture o álcool e os cravos em um frasco fechado que não deixe a luz passar (que não seja transparente), isso não foi dito no programa, mas é importante que isso seja feito. Deixe a solução descansando por quatro dias e, durante esses dias, agite duas vezes por dia, de manhã e à noite.

Após esse período coe a solução, desprezando os cravos. Em seguida acrescente o óleo corporal e agite ligeiramente.

Como foi feito o teste com o repelente natural caseiro

Em um instituto de biologia o técnico analisou o produto preparado pela equipe do programa da seguinte forma. O técnico colocou as mãos em um frasco contendo o mosquito da dengue (não portador da doença) e levou algumas picadas. Tirou a mão, passou a solução e colocou a mão novamente em contato com os mosquitos. Não houve picadas.

Conclusão dos profissionais quanto ao repelente caseiro:

O repelente caseiro natural de insetos apresentado pelo programa da Ana Maria Braga é eficaz contra qualquer tipo de mosquito, inclusive o da dengue (Aedes Aegypti). 

Repelente caseiro feito com capim-limão ou capim cidreira


Ingredientes:

50 gr de capim-limão seco;
250 ml de álcool 70%;
Frasco escuro para armazenar;
Pano para filtrar;
Como fazer:

Coloque a planta e o álcool dentro do frasco escuro e deixa macerando em ambiente sem luz por 15 dias. Agite diariamente. Filtre com ajuda de um pano e a tintura de capim-limão está pronta.

Loção repelente caseira

Ingredientes:

150 ml de glicerina líquida;
150 ml de tintura de capim-limão;
350 ml de álcool cereais;
350 ml de água destilada;
Como fazer:


Misture todos os ingredientes até formar um creme homogêneo. Armazene em bisnagas de hidratante e use para combater pernilongos e mosquitos.

*Com informações do blog Saúde com Ciência 

Subir