Mostrando postagens com marcador Cantinho do bebê. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Cantinho do bebê. Mostrar todas as postagens

Roupa: Dicas para cuidar da roupa do bebê

dicas-para-cuidar-da-roupa-do-bebe

Dicas de como cuidar da roupa do bebê! Oi tudo bem com você?  hoje vamos dar uma atenção maior as roupinhas dos nossos filhos, os recém-nascidos tem que ter um cuidado maior com as roupas. E cuidados especiais na hora de lavar, secar e passar para assim prevenir as irritações e alergias.

Leia Também

Leite Materno: Quando o leite materno acaba o que fazer

quando-o-leite-materno-acaba-o-que-fazer

Mesmo apelando para todos os recursos disponíveis, muitas vezes a mãe não tem leite e não consegue amamentar


Leite Materno: Quando o leite materno acaba, o que fazer! Oi gente linda! Bom o assunto de hoje é o leite materno que todas sabemos que super importante para nossos pimpolhos né?  E quando o leite seca logo nos primeiros dias do nascimento do bebê!
Leia Também

Ginástica para gestante: Dicas de ginástica para gestantes

dicas-de-ginastica-para-gestantes


Ginástica para gestante: Dicas de ginástica para gestantes! Oi minha lindonas vim falar hoje com as futuras mamães é, e aí como vai a sua gravidez? Você está só parada comendo sem parar ou está se cuidando e fazendo algum exercício?
Bom pra você que está aí só paradinha e comendo pra caramba aconselho que comece a se mexer guria!


Além dos quilinhos a mais isso não fará bem a sua saúde! Então esses são exercícios simples, que ajudam a atravessar a gravidez com boa disposição física e também preparar o seu corpo para o momento do parto.

Como alguns deles exigem a ajuda de outra pessoa, procure fazê-los junto com o seu marido para que ele te ajude: é um bom momento para o futuro pai compartilhar os preparativos para a chegada do bebê.

Gravidez: 10 Conselhos para você ter uma gravidez sadia

conselhos-para- ter-uma-gravidez-sadia


Gravidez: 10 Conselhos para você ter uma gravidez sadia! Oi tudo bem com você? Pois é hoje minha matéria é para as futuras mamães, e resolvi trazer para vocês, 10 Conselhos para uma gravidez sadia, algumas já tem experiência, mas eu quando engravidei não sabia nada era bem jovem, e minha mãe nunca conversou comigo sobre assuntos de sexo e tal. Bom então espero ajudar vocês meninas e um bom parto a todas.

Leia Também

MULHERES QUE ENGRAVIDARAM DEPOIS DA LAQUEADURACHÁS PARA MENSTRUAÇÃODOR NAS COSTAS NA GRAVIDEZ: TRATAMENTOS PARA DURANTE E DEPOIS DA GESTAÇÃO

Chá de fraldas: Fotos e vídeos de chá de fraldas

fotos-e-videos-de-cha-de-fraldas

Chá de fraldas: Fotos e vídeos de chá de fraldas! Oi tudo bem com você? Então hoje eu quero falar com as minhas leitoras gravidinhas! Já pensou no chá de fraldas do bebê?  Bom eu nem queria falar, mas algumas amigas acharam interessante que eu relatasse aqui a minhas experiências, gente infelizmente na época que eu estava grávida dos meus filhos nunca pude fazer o chá de fraldas sempre tive o sonho de fazer um lindo chá de fraldas, mas na época meu marido ficou cego dos dois olhos e eu realmente não tinha condições.

Leia Também

É foda né e nessa crise hoje tu ficas pensando se faz ou não acreditas que tem muitas que estão desistindo de fazer, pois ta muito complicado com essa crise tudo caro pra caralho, mas gurias se vocês tiverem condições de fazer façam.

Emoções infantis: As emoções infantis aprenda mais sobre o assunto



Emoções infantis


Oi meus amores, pois é mais um post no Cantinho do bebê hoje falando das emoções infantis e isso não tem tamanho né? Vai dos bem bebezinhos até os mais grandinhos. Nós adultos somos mais rápidos para interpretar punir- certas atitudes que consideramos como "birra" ou “manha “e até “capricho” de crianças e adolescentes”.


Mas nem sempre julgamos corretamente! Muitos distúrbios de fundo emocional ou psicológico provocam alterações no funcionamento harmônico do organismo e impedem o bom humor e o desempenho normal de vários órgãos e suas funções. Fatores emocionais como a vergonha, a timidez, a raiva, a agressão física ou moral, a revolta, o ciúme ou a inveja são sentimentos ou estados de espírito que os médicos e psicólogos chamam de negativáveis.

No aparelho digestivo além de atrapalhar o fígado e a vesícula na produção e expulsão da bile, eles interferem no apetite, Provocam má digestão, azia, náuseas e até vômitos, quando a perturbação é mais intensa. O medo, uma notícia chocante ou outras emoções são estados psicológicos afetivos e estão intimamente associados ao aparelho gastrintestinal, produzindo diarreias, secura na boca dificuldades para engolir, regurgitação, arrotos e etc...

 As Emoções infantis

Se forem mal interpretados, tais distúrbios podem originar reações ambíguas e nada construtivas, como castigos e outras formas de punição, ou então ser motivo ansiedade e excesso de cuidados por parte de pais adultos em geral, que só complica o caso todo né.

E todos esses sintomas podem surgir qualquer idade e precisa ser observado por um médico experiente o bastante para poder diagnosticar as possíveis causas orgânicas, em como para reconhecer a ação psíquica e emocional que ela desencadeia. Pais, familiares e professores devem atentar para o fato de que uma criança pode ser ou tornar-se sadia ou então doente dependendo da maneira como ela se sente ou é educada. Controlar e usar as emoções é algo muito mais fácil para os adultos, e por eles deve ser calmamente ensinado á criança.

Colônia para bebê: 4 Colônias para usar no seu bebê

as-melhores-colonias-para-bebe


Oi minhas lindas tudo bem? Bom hoje vim trazendo as (4) colônias de bebê para deixar seu filhinho bem cheiroso, muitas mamães sabem que tem que ter um certo cuidado na hora de comprar esses produtos pois pode acontecer de dar alergia na criança e ela, não se adaptar.



E sem contar que temos no mercado hoje em dia uma gama de produtos para nossos pequerruchos! Uns mais caros que outros mas na minha opinião tens que cuidar a qualidade então escolhi alguns produtos para apresentar para vocês mamães que usei em meus filhos quando eram bebês e aprovo com certeza.


Leia Também

Quarto de bebê: Decoração para quarto de bebê

Relacionamento entre pais e filhos

Tip Top para bebê

Rachaduras e sangramento no seios ao amamentar

rachaduras-e-sangramento-no-seios

Rachaduras e sangramento no seio ao amamentar. Oi meninas hoje o papo é com as futuras mamães ou quem ganhou bebê de pouco tempo e está enfrentando este problema! a rachadura nos seios e muitas das vezes até sangram acompanhe comigo como, e por que isso acontece com a gente! uma situação nada agradável eu já passei por isso e é horrível, pois para amamentar eu chegava a chorar de tanta dor.


Leia Também

MULHERES QUE ENGRAVIDARAM DEPOIS DA LAQUEADURA

TOP 10 MULHERES MAIS VELHAS DO MUNDO A DAR A LUZ NA HISTÓRIA

É POSSÍVEL ENGRAVIDAR TOMANDO PÍLULA ANTICONCEPCIONAL?

LAQUEADURA ENGORDA?

Brotoeja em bebê: Como cuidar bebê com brotoejas

Brotoejas em bebê recém-nascido

Brotoeja em bebê: Como cuidar bebê com brotoejas! Oi meus amorecos tudo bem com vocês? Eu espero que sim! Bom hoje o assunto é brotoeja, nossa da um dó de ver esse fofuchos com isso, né? Pois incomoda pra caramba, então este assunto é bem interessante, pois muitas das vezes as mamães acham que a brotoeja é alergia, e a vizinha manda passar qualquer coisa e pode piorar a situação do seu pequeno. Vem comigo e acompanhe o post.


Leia Também

AS EMOÇÕES INFANTIS

BANHO EM RECÉM-NACIDOS: COMO DAR O PRIMEIRO BANHO NO BEBÊ?

CANTINHO DO BEBÊ: DICAS PARA CUIDAR O SEU BEBÊ

COMO VOCÊ PODE EVITAR AS ALERGIAS DE VERÃO NO SEU BEBÊ

Faixa Umbilical: Usar ou não usar faixa umbilical no bebê?

usar-ou-nao-usar-faixa-umbilical-no-bebe

Faixa Umbilical: Usar ou não usar faixa umbilical no bebê?

Faixa Umbilical tem gente que ainda usa?

Faixa Umbilical: Usar ou não usar faixa umbilical no bebê? Oi amores tudo bem? Eu espero que sim! Gente hoje vim falar sobre um assunto que muitos papais e mamães tem dúvida. Usar ou não faixa umbilical no bebê? É uma coisa bem complicada né afinal é algo muito importante e tem que se ter o maior cuidado mesmo.



Leia Também

AS EMOÇÕES INFANTIS

AS CRIANÇAS NEGRAS MAIS LINDAS DO MUNDO

SINTOMAS DE ALERGIA ALIMENTAR EM BEBÊ: SAIBA IDENTIFICAR

ROUPAS DE INVERNO PARA BEBÊ

como-enfaixar-o-umbigo-do-bebe



Bom nas minhas gravidez o obstetra nas consultas sempre disse que faixa nem pensar, fora de cogitação e que era só para limpar bem com soro fisiológico e Álcool Iodado e colocar uma gaze. Tudo certo até aí. Mas porque tem crianças que ficam com o umbigo rendido ou (com hérnia umbilical).



Bom eu vou dizer o que eu fiz, eu usei faixa dos três filhos graças a Deus saiu tudo certo umbigos perfeitos. Dizem os 'antigos' (risos), que se a criança não tiver faixa quando chora de mais pode ficar com hérnia umbilical. E se estiver com a faixinha ajuda a afirmar o umbigo, gente não arroxa a faixa na criança é passar de leve tá.



Bom outra coisa que me assustou do primeiro filho, mãe de primeira viagem foi que perto do dia de cair o umbigo saiu um pouquinho de sangue com uma secreção amarelada, nossa já queria sair correndo para o hospital (risos) não era nada gente isso é normal viu. Então vou dizer como funciona agora já com experiência no assunto.



Dicas sobre a faixa umbilical

Em quanto tempo vai cair o cordão?

Bom gurias este cordão irá cair entre (9 e 20) dias depois do nascimento, esse coto umbilical vai secar e, vai ficar preto e cair. E quando cai fica uma pequena feridinha, que pode levar mais ou menos uma semana a 12 dias para que cicatrize.



No dia que cai o umbigo varia de bebê para bebê. Muitas vezes, esse cordão pode demorar até mais de 20 dias para cair, e sem que haja maiores problemas tá é normal viu (risos), mas se você notar que está muito demorado converse com o pediatra ele vai saber lhe dar maiores orientações. E pra ti ficar mais tranquila também de que tudo está certo.



O umbigo do bebê precisa de algum cuidado especial?

É tem que ter cuidados especiais, pois o cordão umbilical deve ser mantido sempre bem limpo e seco para assim evitar infecções. As bactérias que vivem na nossa pele naturalmente podem provocar infecções no cordão.



Guria tem mães que não cuidam bem e não higieniza o cordão umbilical onde pode acontecer do bebê pegar tétano, uma infecção bem perigosa, para não dizer muito perigosa para o bebês recém-nascidos.



Bom o pediatra sempre dizem para as mães passarem cotonete com álcool a 70% que é vendido nas farmácias, devas passar este álcool a cada troca de fralda, e deixar secar naturalmente. Bom os médicos dizem que não pode colocar faixa e sim apenas uma gaze. Aí eu já não sei eu na minha humilde opinião acho que sim deves usar a faixa SIM! Mas isso vai de cada pai e mãe né? Mas se tu não quer usar enrole uma faixa e pronto.




Uma coisa muito importante antes de qualquer coisa que for fazer em seu bebezinho lave bem suas mãos, e principalmente se for mexer no umbigo dele. Também lave as mãos toda vez que trocar a fralda dele.



E se o cordão ficar sujinho de xixi ou cocô limpe-o bem com água e sabão neutro ou só com água tá! E como o cocô dos bebês tem uma gordura, é melhor usar um sabonete para eliminá-lo. Depois de limpo passe o álcool.



Tem países que os cuidados com o umbigo da criança são bem diferentes do nosso, em alguns a orientação passada é não passar nada, nem álcool para secar mais rápido. E em outros lugares não se pode molhar o cordão então o bebê fica sem banho até o umbigo cair. Ufa que nojinho (risos). Já aqui no Brasil o banho no bebê e desde que nasce só secar bem o cordão e passar o álcool.



Está uma secreção que parece pus do umbigo. É perigoso?

Pois é gurias isso é normal que o cordão tenha algum tipo de secreção meio amarelada, até parecida com o pus, mas isso não significa que ele esteja infeccionado tá! Essa secreção pode ter um cheiro meio desagradável.



Também é normal que apareça um pouquinho de sangue na faixa, gases ou na roupinha que ele estiver ficado em contato com o cordão umbilical.



Mas se caso tu estiveres preocupada com a aparência ou até com o cheiro do cordão, peça para o médico dar uma olhadinha.
umbigo-rendido




Quando devo me preocupar?

Procure o pediatra se:

·         O seu bebê estiver com febre, ficar muito letárgico (quietinho demais), começar a querer não mamar ou parecer não estar bem.

·         Se o umbigo e a área em torno dele estiverem inchados de ou vermelhos.

·         Se o cordão umbilical ficar inchado ou com mau cheiro muito pronunciado (um pouco de cheiro menos agradável é normal).



Se o umbigo caiu, mas ficou aquela feridinha. O que eu faço?

Bom gurias depois que o cordão cair, demora ainda entre 7 a 10 dias para que o umbigo cicatrizar completamente. Pode ser que apareça um pouquinho de sangue na faixa ou fralda, o que é normal tá.



Continue limpando com o álcool 70%, várias vezes ao dia, o normal a cada troca de fralda.



Muitas vezes, o umbigo leva mais tempo para cicatrizar, e pode aparecer uma carne esponjosa no local, os adultos dizem que a criança esta rendida o umbigo fica saltado pra fora. Desde que não haja mau cheiro ou algum sinal de infecção, não há razão para se preocupar esse tecido logo vai desaparecer. Às vezes não! Aí procure o pediatra.



E se o umbigo continuar sangrando, fale com o pediatra, porque ele pode cauterizar o local com nitrato de prata tá meninas.



Logo que o cordão umbilical caiu, o umbigo ficou alto. O que é isso?

E quando o umbigo do bebê fica saltado, é provável que se trate de uma hérnia umbilical. SIM!  Essas hérnias umbilicais são muito comuns e podem afetar até 20% dos bebês. E normalmente elas não exigem tratamento e em alguns casos se resolvem sozinhas.


Converse com o pediatra do seu bebê. Ele vai acompanhar essa hérnia nas consultas até depois do primeiro aniversário do bebê, para aí sim decidir se é necessário algum tratamento ou não. Nunca coloque nada sobre o umbigo do bebê para empurrá-lo para dentro.



Cólicas: O que fazer quando recém-nascido tem cólicas

o-que-fazer-quando-recem-nascido-tem-colicas

O que fazer quando os recém-nascidos tem cólicas

Cólicas em recém-nascidos o que fazer! Oi meus amores chegando a Ju com mais um post pra você queridas leitoras do meu blog. E hoje abordando um assunto tão chato e incômodo para as mamães e para seus bebês também.


É a cólica dos recém-nascidos. Geralmente essas cólicas são bem comuns nos bebês desde o nascimento, nos primeiros 15 dias até os três meses mais ou menos. E tem casos que a criança pode estender está cólica até os seis meses de vida, e as cólicas costumam ser noturnas para o desespero dos pais.

Chupeta e mamadeira para os bebês usar ou não usar?

chupeta-e-mamadeira-para-os-bebes

Chupeta e mamadeira para os bebês usar ou não usar? Oi gente tudo bem com vocês? Comigo está tudo ótimo! Bom eu recebi um E-mail de uma leitora fiel do blog que está grávida é a Gilvania do Rio de Janeiro.


Leia Também

DESCAMAÇÃO NA CABEÇA DO BEBÊ- CASPA,CROSTA OU CASQUINHA

COMO CUIDAR DA ROUPA DO SEU BEBÊ

COMO DAR O PRIMEIRO BANHO NO BEBÊ?

AS EMOÇÕES INFANTIS

Banho em recém-nascidos: Como dar o primeiro banho no bebê?

como-dar-o-primeiro-banho-no-bebe


Banho em recém-nascidos: Como dar o primeiro banho no bebê? Oi gente, pois é estreando o Cantinho do Bebê com um post bem "comum" Como dar o primeiro banho no bebê, ai tu vai se perguntar sim esta louca ai acha que eu não sei dar banho em um bebê! Claro que sim, você deve saber sim. Mas quantas mamães de primeira viagem não sabem ou nunca deram um banho em um bebê.

Cantinho do bebê: Dicas para cuidar o seu bebê

Cantinho-do-bebe-Dicas-para-cuidar-o-seu-bebe

Oie meus amores tudo bem com vocês? bom eu espero que sim gente. Este espaço reservei para falar com as mamães de primeira viajem e as outras também, aqui vou postar assuntos relacionados aos nossos tesouros, dicas, doenças que mais ataca quando são muito pequenos, cuidados que deve ter com seu filho e etc... Então fica ligadinha aqui no blog para não perder nada viu beijos.

Como você pode evitar as alergias de verão no seu bebê

como-evitar-as-alergias-no-bebe-no-verao

Oi para as mamães que acompanham o Blog Cantinho Ju Tavares e que tem bebês em casa com alergias e alérgeno é um termo geral usado para descrever algo que causa uma reação alérgica. Os alérgenos são proteínas minúsculas encontradas em certas substâncias. Alguns são transportados pelo ar, como o pólen e os fungos, enquanto outros são encontrados em alimentos, como os mariscos, o amendoim e o leite.



Leia Também

TOP 10 VÍDEOS DE MÚSICAS PARA BEBÊ DORMIR

DESCAMAÇÃO NA CABEÇA DO BEBÊ- CASPA,CROSTA OU CASQUINHA

COMO DAR O PRIMEIRO BANHO NO BEBÊ?

AS EMOÇÕES INFANTIS

Por exemplo: o veneno de um inseto contém alérgenos, assim como algumas plantas, como a hera venenosa. Os alérgenos também existem no ambiente doméstico, sob a forma de ácaros, que são os que mais agridem as crianças. Só as pessoas com propensão a adquirir hipersensibilidade são afetadas por esses alérgenos.

E as doenças alérgicas são mais frequentes em crianças com pais ou parentes próximos alérgicos, portanto, herdadas por fatores genéticos, mas também é possível qualquer pessoa desenvolver alergias em qualquer idade. Fatores ambientais podem fazer nosso sistema imunológico torna-se extremamente sensível; isso pode provocar alergias em pessoas sem histórico familiar ou favorecer o surgimento naquelas que têm caso na família. Os bebês sofrem muito no verão pois aparecem as brotoejas uma bolinhas avermelhadas que causam muita coceira.

Ambiente Fechado é horrível para alergias

O primeiro passo no controle ambiental é a identificação dos agentes alérgicos e irritantes que causam as reações no seu bebê. As crianças passam geralmente, a maior parte do dia em ambientes fechados, seja em casa ou na escola. A busca deve começar pela sua casa. A maior parte das pessoas que sofrem de alergia e asma pode atribuir a causa de seus problemas como sendo de alérgenos de ambientes internos.

Ambientes internos são, no mínimo, dez vezes mais poluídos do que os ambientes externos sabia?. A forma mais econômica e eficaz de controlar as alergias, é reduzir as possibilidades e a intensidade da exposição a alérgenos.

Reação Alérgica e Testes

A reação alérgica pode causar contrações das vias aéreas, dilatação de pequenos vasos sanguíneos, aumento da temperatura, inchaço dos tecidos da pele e aumento da secreção nasal, além de provocar coceiras, entre outras reações.

Os testes para identificar esta alergia são eficazes, pois o médico não tem condições muitas vezes, de identificar uma alergia, num simples diagnóstico. É importante dizer que o teste não oferece risco à criança.

Após ser colocado na pele um alérgeno, caso a ação seja positiva, surgirá um edema ou um pequeno inchaço na região, que desaparecerá de 30 a 60 minutos.

Os alérgenos mais comuns

Pois é os ácaros são seres minúsculos, semitransparentes, com cerca de 0,3 mm invisíveis a olho nu. Pertencem ao filo dos artrópodes, como também os insetos, os crustáceos e os aracnídeos. Os ácaros chegam a colocar 30 bolotas fecais todo o dia, e estas sensibilizam o alérgico também.

Eles alimentam-se de restos de comida, da descamação da pele humana e animal e dos fungos e mofo. Reproduzem-se com muita facilidade, precisando somente de um pouco de calor e umidade.

Habitat do Ácaro

Rodapés, frestas de assoalho, aberturas, carpetes, tapetes, colchões, roupas, cobertores, lençóis, sofás, almofadas, bonecos e brinquedos de pelúcia, tatâmi, artefatos de palha e outros ambientes em que o acúmulo de poeira aconteça. Em 1 g de poeira podem ser encontrados até 3.000 ácaros!!.

Os colchões constituem microssistemas ideais para reprodução e sobrevivência desses parasitas nojentos, pois reúnem quase sempre condições favoráveis e mais constantes ao longo do dia, graças à transpiração e descamações naturais do corpo dos usuários. Colchões podem ser comparados a cemitérios de gerações e gerações de ácaros.

Alergias ao Ácaro

Os problemas respiratórios estão entre os mais um dos mais comuns causados pelos ácaros. Sabe-se que hoje 70% dos asmáticos e 80% das pessoas com rinite são sensíveis a eles. Tosse, espirros e falta de ar também podem ser provocados por eles.

Poucos são os casos de alergias de pele por picadas de ácaros, mas existem casos graves que merecem cuidados com urgência.

Controle dos Ácaros para evitar as alergias

E as três medidas básicas para o controle dos ácaros são: encapar colchões e travesseiros com capas de proteção antiácaros, limpar constantemente o quarto de dormir sem usar produtos com cheiro forte ou aparelhos à base de água e, finalmente, retirar o excesso de objetos, como livros, bichos de pelúcia, brinquedos, etc.

Usar acaricidas, purificadores de ar com filtro e desumidificadores (quando a umidade estiver acima de 60%) . Evitar o mofo nas paredes ou armários e manter sempre o quarto muito arejado.

Controle dos fungos para evitar as alergias

Manter a casa bem ventilada sempre  e a umidade controlada. Condicionadores de ar diminuem a umidade e filtram grandes esporos de fungo, diminuindo o bolor e o número de partículas dentro de casa. Desumidificadores que não queimam o oxigênio são recomendados quando a umidade exceder os 60%.

Limpar chuveiros e banheiras, vasos sanitários, armários, cozinhas e porões com alvejante ou desinfetante para reduzir a proliferação do mofo.

Deixar sempre esses ambientes arejados ou manter uma luz elétrica acesa no local de maior umidade. Não usar vaporizadores ou aparelhos à base de vapor.

Verificar vazamentos das calhas, rede de água e janelas, entre outros.

Plantas com xaxim ou bandejas de vasos com água não são recomendadas.

Como reduzir os riscos de alergias?

Não use sabão em pó, amaciantes de roupas ou água sanitária. Use na limpeza em geral somente água, sabão de coco, sapólio sem cloro e detergentes biodegradáveis neutros ou sem cheiro.

Evite usar roupas com lavagem a seco; não sendo possível, pendure-as em local ventilado, pois o produto químico usado neste processo pode causar graves alergias em seu bebê.

Use sabonetes neutros, desodorantes e shampoos sem perfume. Use somente maquiagem hipoalergênica para evitar ao máximo alergias de contato que acontece bastante em recém-nascidos.

Evite contato com animais de pelos e penas.

Não permaneça em residências pintadas ou enceradas recentemente. Deixe isso para as férias escolares.

Evite ambientes úmidos e o manuseio de objetos e roupas guardados por longo tempo, por estarem mofados e empoeirados podem causar tanto alergias na pele ou respiratórias.

Observe quaisquer odores, fumaças em geral, formol, amônia, éter, tintas, colas, etc.

Não deixe toalhas molhadas na cama e os calçados devem ficar fora do quarto.

Evite plantas em casa, especialmente em xaxim, por causa do mofo.

Evite brinquedos de pano ou pelúcia no quarto das crianças.

O alérgico não deve permanecer em casa na hora da limpeza. Não sendo possível, improvise máscara com pano úmido ou apropriada para este fim.

Os filtros de ar-condicionado, pás de ventiladores e exaustores devem ser limpos semanalmente.

Não use vassouras, espanadores, escovas ou panos secos.

Limpe diariamente a residência. O quarto da pessoa alérgica deve ser limpo cuidadosamente, usando pano umedecido em água e desinfetante sem cheiro ou álcool.

O piso deve ser hipoalergênico, liso e de fácil limpeza (borracha, madeira, pedra, etc.).

Tapetes de qualquer material são desaconselhados. Saiba que não existem tapetes antialérgicos. Se não puder retirá-los, use solução spray à base de ácido tânico.

Quando necessário, utilize cortinas laváveis ou persianas de vinil verticais.

Evite estofados com tecidos permeáveis; prefira móveis de madeira, plástico ou couro.

Jamais deixe que fumem no quarto da pessoa alérgica. Forre colchões e travesseiros com napa, plástico ou com Capas LUFT, as quais são testadas cientificamente.
Subir