ANUNCIE AQUI

Mistério do interior: Manchas aparecem em foto de menina assassinada deixa comunidade intrigada

http://www.rbsdirect.com.br/
Fotos de menina assassinada estão sendo analisadas por químicos

Olhem esse mistério gente! uma foto de uma moça assassinada no ano de 1986, no interior de Palmitinho, que fica no Norte do Estado, vem causando muita polêmica entre os moradores da região. A menina Clenir de Cezaro que foi encontrada morta em um poço da casa da família com alguns ferimentos no pescoço e na cabeça, depois que ficou sozinha em casa.

E parece que apareceram algumas alterações nas fotos da menina, que ficam na capela onde o corpo dela foi enterrado, e isso está intrigando e muito a comunidade e mobilizando os moradores do local, que estão tentando provar um milagre. No rosto da moça na foto apareceu umas manchas avermelhadas, que é semelhante ao sangue, no mesmo local onde ela foi ferida, no momento que foi morta.

E os mistérios não param por aí: a capela no último ano foi incendiada duas vezes. A primeira vez foi no dia de finados, por conta de tantas velas que foi acendida, e o segundo incêndio, por volta de 15 dias de pois, e foi apontado pela polícia como um atentado criminoso, mas o autor não foi encontrado.
http://www.rbsdirect.com.br/

Padre Amadeo Balestrin que está acompanhando a família, pegou as fotos e levou para fazer uma análise em um laboratório fotográfico, que até o momento não conseguiu concluir os motivos da alteração nas fotos. Ontem terça-feira (07), foram realizadas análises para ver se as manchas apareceram por conta do incêndio. Religiosos afirmas que é muito misterioso esse caso, pois as manchas apareceram no mesmo local onde a moça foi ferida no pescoço. E para isso precisa ser feita uma análise técnica.

O assassinato
Esse crime nunca foi solucionado, um suspeito chegou a ser preso. Este homem tinhas algumas marcas no pescoço, que indicava uma possível luta corporal entre a menina e ele, antes de ser assassinada. Mas o crime nunca foi comprovado e o suspeito foi solto. Alguns anos depois o homem suspeito de matar a moça morreu com câncer no pescoço, na mesma região do ferimento, o que motiva um mistério bem maior no caso.

O túmulo da menina é um local de peregrinação para os fiéis da região da Linha Boa Vista. Entre os fiéis existe uma crença de que Clenir seja uma milagreira, apesar de nenhum milagre ser comprovado ainda.

* Com informações da Rádio Gaúcha

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Olá seja bem vindo ao Blog obrigado por sua visita deixe o seu comentário e se tiveres alguma dúvida entre em contato com a gente beijos

Topo