ANUNCIE AQUI

William Bonner repreende a repórter Maria Júlia Coutinho no 'JN': 'Calma!'

Por 
William Bonner advertiu a jornalista Maria Júlia Coutinho durante o "Jornal Nacional" desta quarta-feira (27). A repórter, chamada de Majú no telejornal por incentivo do âncora, apareceu para dar informações sobre o tempo, mas se atropelou quando batia um papo rápido com Bonner em sua introdução ao jornal.
Após cumprimentar Renata e William com um boa noite, Majú perguntou ao âncora, atropelando-o: "Posso começar falando? (sobre o clima?)". Foi quando William a repreendeu dizendo um imperativo "Calma!". Em pé, longe da bancada, o jornalista sorriu, levando a repórer a se descontrair para afastar um possível climão.
William Bonner pede desculpas por chamar americano de maluco
Mais à vontade à frente do "JN", William, eleito melhor apresentador de TV de 2014, pagou um preço por tornar o noticiário, campeão de audiência do país, mais informal. Na edição de terça-feira (19), ele mostrava uma matéria sobre um americano especialista em segurança, suspeito de ter invadido o controle de um avião em pleno voo, nos EUA. Ao olhar a foto do homem barbudo, afirmou: "Cara de maluco ele tem, né? Cá para nós". A declaração repercutiu rapidamente nas redes sociais, o que o levou a pedir desculpas no ar no mesmo dia.
"Ainda há pouco eu estava vendo nas redes sociais, teve gente que me censurou, porque eu disse que aquele rapaz que entra no avião tinha cara de maluco. Eu fiquei pensando, 'que mau humor destas pessoas!' Mas não. Elas estão certas, porque eu conheço uma porção de gente com aquele cavanhaque, talvez não tão longo, com olho meio esbugalhado, mas eles não ficam entrando em avião, não! Não tem nada a ver o rosto do rapaz com o que ele fez ou diz que fez", declarou ele, que também já precisou pedir desculpas ao Papa Francisco.
Majú diz que gostaria chamar Bonner de tio e ganha apoio de Fátima Bernardes
Em entrevista ao programa "Encontro com Fátima Bernardes", Majú disse que depois que William a rebatizou com a apelido de infância no "JN", passou a ser reconhecida nas ruas também pelo nome alternativo. " Mais gente me chama de Majú", contou a intergrante da equipe do telejornal à mulher do âncora, que a apoiou caso queira chamá-lo por um apelido também.
"Acho que você pode botar (um apelido no William)". "Posso chamá-lo de tio?", sugeriu Majú. Fátima gostou da ideia: "Vai ser ótimo".

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Olá seja bem vindo ao Blog obrigado por sua visita deixe o seu comentário e se tiveres alguma dúvida entre em contato com a gente beijos

Topo