ANUNCIE AQUI

Russo é voluntário para primeiro transplante de cabeça

Por Victor Caputo
Russo é voluntário para primeiro transplante de cabeça
Foto:http://img.s-msn.com/
São Paulo – Um russo se voluntariou para ser a primeira pessoa submetida a um transplante de cabeça na história. A expectativa é que a cirurgia seja feita dentro de dois anos, em 2017.
O homem, Valery Spiridonov, sofre de uma doença muscular terminal chamada Síndrome de Werdnig-Hoffman. O voluntário de 30 anos acredita que a cirurgia pode ser uma chance de prolongar sua vida. Ele ainda acredita que os benefícios que o procedimento irá gerar em pesquisas são valiosos.
“Tenho muito interesse em tecnologia e qualquer assunto progressivo que possa mudar a vida das pessoas para melhor”, disse Sporidonov em uma entrevista ao Russia Today. “Fazer isso é uma grande oportunidade para mim, mas também criará uma base científica para futuras gerações, independente de qual seja o resultado.”
O transplante deve ser realizado pelo médico italiano Sergio Canavero, diretor do grupo de neuromodulação avançada de Turim. Canavero anunciou o plano de realizar o primeiro transplante de cabeça em 2013.
A estimativa é que a cirurgia possa ser realizada em 2017. A operação é muito complexa. Ela deve durar cerca de 36 horas. Os custos estão estimados em 11 milhões de dólares e envolverá 150 médicos e enfermeiros.
Depois do transplante, Sporidonov ficará em coma entre três e quatro semanas, para permanecer imóvel. Ele será medicado para que não haja qualquer forma de rejeição do corpo à cabeça.
Médicos e especialistas acreditam que o transplante de cabeça não é possível na prática, entre eles o presidente da Associação Americana de Neurocirurgiões, Dr. Hunt Batjer. “Eu não deixaria ninguém fazer isso comigo, existem muitas coisas piores do que a morte”, afirmou ele à CNN em entrevista.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Olá seja bem vindo ao Blog obrigado por sua visita deixe o seu comentário e se tiveres alguma dúvida entre em contato com a gente beijos

Topo