19 novembro 2014

Paquera na web é traição? Franceses dizem que sim

Tribunal da região de Provence considerou culpada mulher casada que trocava fotos virtualmente

por Redação

Fonte:http://www.bolsademulher.com/
As redes sociais tornaram a comunicação mais fácil, aumentaram as formas de contato com os amigos e expandiram as possibilidades de conhecer gente nova. Para os solteiros, uma maravilha. Mas, para os comprometidos, o ambiente virtual pode ser uma preocupação a mais. Se antes o medo de ser traído só aparecia quando o marido ou namorado saía com os amigos, hoje há quem fique desconfiado quando ele acessa o computador ou fica tempo demais mexendo no celular. Mas será que a paquera pela internet pode ser considerada traição?


Namoro virtual


Segundo uma decisão da Justiça francesa, a resposta é sim. Na região de Provence, o Tribunal considerou culpada uma mulher que estava casada há 20 anos, mas trocava fotos sensuais com outros homens através de aplicativos no celular e de um site de encontros. Ela chegou a declarar ao jornal "Le Figaro" que fez isso por estar deprimida, mas que nunca traiu o marido fisicamente.
Apesar da afirmação, ela foi processada pelo marido por adultério e considerada culpada no processo de divórcio. Com a decisão do Tribunal, ela deixa de ter qualquer direito em relação ao ex-marido, inclusive à pensão alimentícia.
ThinkstockTroca de fotos sensuais fez com que mulher fosse considerada culpada pela Justiça francesa (Crédito: Thinkstock)

Como evitar traição?

Para evitar que o parceiro ou parceira faça contato com outras pessoas, alguns casais optam por um perfil conjunto em redes sociais, o que, para a consultora de imagem pessoal e corporativa Marcele Goes, não é positivo. “É saudável ter alguns assuntos somente com amigos; sem estimular a traição, claro”, afirma.
Outro comportamento comum que pode acabar prejudicando o casal é a exposição excessiva nas redes sociais. “Publicações sobre seu relacionamento todos os dias podem indicar que está faltando tempo no mundo real para os dois. Por outro lado, brigas públicas em forma de indiretas podem indicar que o casal não está conseguindo conversar frente a frente”, alerta a consultura de relacionamento e comunicação do ParPerfeito, Rosana Braga.
ThinkstockExpor demais a relação nas redes sociais pode ser prejudicial ao casal (Crédito: Thinkstock)

Perdoar ou não uma traição?

Seja virtual ou real, a descobrir que foi traído é sempre um processo difícil de lidar, pois traz à tona uma sensação de solidão, injustiça, baixa autoestima e raiva do parceiro. A melhor saída, segundo a especialista em relacionamentos Sheila Rigler, da agência Par Ideal, é conversar e tentar esclarecer tudo antes de tomar qualquer atitude precipitada.  “Nessas situações é fundamental que a pessoa traída não se sinta culpada e procure descobrir o que levou o companheiro a agir dessa forma. Além disso, fazer uma reflexão se vale a pena ou não levar o relacionamento adiante e agir de forma sensata pode ajudar nesse processo doloroso”, diz.
E você, o que acha sobre o assunto? Deixe sua opinião.

Um comentário:

  1. é lógico que é traíção!!! Todo o mundo diz que sim!! Só pq os franceses falaram agora vai ser noticia no mundo!! bleeeght!!

    ResponderExcluir

Olá seja bem vindo ao Blog obrigado por sua visita deixe o seu comentário e se tiveres alguma dúvida entre em contato com a gente beijos