15 abril 2014

Auto-estima: Dicas de como levantar a auto-estima

baixa-autoestima-sintomas

Auto-estima: Dicas de como levantar a auto-estima

Oi para você hoje estou trazendo mais uma vez este assunto a tona pois recebi um E-mail de uma leitora onde me fazia várias perguntas e foi aí que resolvi fazer este post, para falar da auto-estima. Gente muitos acontecimentos e traços de personalidade mal formados têm relação com a baixa auto-estima das pessoas.


Leia Também

COMO LEVANTAR A AUTOESTIMA

OS 13 SEGREDOS PARA TER UM CASAMENTO DE SUCESSO

HOMENS QUE DEIXAM AS MULHERES COM A AUTO-ESTIMA BAIXA

COMO ANDA A SUA AUTO-ESTIMA?


Os indivíduos facilmente caem nas armadilhas armadas por si ou pelos outros como subornar ou ser subornado, levar vantagem em tudo, desvios de conduta, querer agradar a tudo e a todos para se sentir valorizado, e entre tantos outros motivos. Ataques, agressões e, o mais grave, a guerra são atitudes vistas como de estima elevada, quando o que ocorre é o contrário.

Não se pode reduzir tudo à baixa auto-estima, mas junto com a história é um aspecto relevante.

Relacionamento com critérios na auto-estima

E com a auto-estima sadia, a pessoa persiste diante das dificuldades que aparecem no dia-a-dia né? busca os desafios para vencê-los a cada dia com mais garra! e cada meta se torna muito estimulante, exigentes e valiosas. Torna-se aberto, honesto e bem comunicativo. Seus relacionamentos acontecem com pessoas que acrescentam algo de positivo, que valorizam e mostram umas às outras aquilo que não está bem com o intuito de que haja um crescimento pessoal.


Não toleram relação intoxicantes. Os relacionamentos desastrosos tendem a acontecer entre pessoas que não se valorizam. E é verdade tem tantos casais que vivem brigando, se espancando ma ainda assim estão junto ai vem me dizer “A Jussara é amor” que amor o que, é falta de amor próprio isso sim. Pois se cada um se valorizasse só um pouquinho iam ver que existem mais pessoas que eles pedem sim ser feliz com outras pessoas.


E assim como uma pessoa com a auto-estima elevada atrai e se sente atraído por alguém semelhante, o de baixa auto-estima também atrai e se sente atraído por alguém parecido (E muitas das vezes de uma forma inconsciente). Mas claro que não se pode generalizar.


Uma pessoa com a auto-estima positiva, facilmente a pessoa daí das dificuldades, resolvendo-as adequadamente. Satisfaz as suas necessidades e se sente maravilhoso como é. Suas escolhas são autônomas e cultiva os próprios recursos, assumindo as responsabilidades. Guia-se pelos valores e segue sua vida com a auto-estima lá em cima.

Tem que ter auto-suficiência, auto-estima e auto-respeito como pilares

É isso aí, a estima por si é composta por auto-suficiência e auto-respeito: A e tem auto-suficiência, confia no seu funcionamento mental, na sua capacidade de pensar, de compreender, de escolher e de decidir. E isso não significa isolamento ou desconsideração pela sua independência; Auto-respeito é valorizar-se como pessoa, fazer-se valorizar pelos próprios méritos e não por uma imagem exterior, e o mais importantes respeitando os outros.


Se um desses pilares estiver ausente, a estima vai ficar comprometida. Portanto, auto-estima é uma disposição para experimentar a si como competente, lidar com os desafios da vida e merecer a felicidade, sentindo-se apropriado. Com relacionamento adequados, valorizar os outros, inclusive os de baixa auto-estima.


E como necessidade básica, tem responsabilidade social, política, ecológica, econômica e etc… Dá e recebe benevolência, cooperação, confiança, amizade, respeito e muito amor. Tem resistência e flexibilidade para lidar com o infortúnio e a adversidade. Com a estima elevada, a pessoa não tem a ilusão de que é perfeita ou superior a tudo e a todos. Ela desenvolve valores, confia em si e está assentada na realidade. Possui limitações pessoais e aceita essa condição sem desmerecer.

No físico

Além dos aspectos psíquicos, a auto-estima elevada se revela no físico: Os olhos atentos e vívidos, rosto relaxado, tônus da pele saudável, corpo descontraído, caminhar decidido, pronúncia bem clara das palavras, e entre outros. É uma experiência íntima, está no âmago de cada um. É o que a pessoa sente e pensa de si e não depende daquilo que os outros pensam. Portanto, a fonte essencial está  no interior, como se vê e não depende total e somente de como os outros o vêem.


A sustentação está na intimidade. É uma convicção que vem de dentro. Não depende de elogios, aplausos, nem busca fora de si algo que eleve a estima. Se depender do que vem de fora para sentir a estima elevada, ela é pseudo ou falsa. E está voltada para o que recebe do exterior, mas por dentro se sente vazia, deprimida, sem convicções pessoais, cheia de medo, humilhada, fracassada.


E é como se comprasse a estima dos outros, utilizando artifícios como uma disponibilidade sem limites, desejo de agradar a todos a qualquer custo. Rebaixa os outros como pessoas  e suas qualidades para poder brilhar. Precisa ofuscar os outros. As pessoas julgam muito a aparência pois o estilo tem que ser perfeito senão não serve. as mulheres e homens acima do peso é que sofrem na pele.


Muitas leitoras e leitores do blog me disseram que andam com a auto-estima baixa por sofrerem preconceito por ser acima do peso, que a aparência facial não está lá essas coisas mas que eles se sentem feliz assim. Gente eu penso da seguinte forma! se tu és gordinho, magrinho, negro, branco, alto, baixo, rico, pobre, não importa o que importa é tu estar feliz de bem com a vida ter saúde o resto a gente conquista e tenho dito beijinhos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá seja bem vindo ao Blog obrigado por sua visita deixe o seu comentário e se tiveres alguma dúvida entre em contato com a gente beijos